sexta-feira, 13 de março de 2015

13 de Maio de 2013


Hoje é 13 de Maio e eu me visto de preto e vermelho... Uma segunda de calor, com o céu azul forrado de nuvens. Isto compensa o fato de acordar cedo em uma segunda-feira. Ao sair de casa, enquanto fechava o portão, o sol despontava no horizonte por entre massas brancas tingidas de laranja e cinza. Poderia reclamar de qualquer coisa, afinal é segunda, porém o dia me sorriu e tudo que fiz foi retribuir. Aproveitei cada segundo dessa rotina, é a melhor que desenvolvi nos últimos 3 ano. Após terminar a faculdade, tentei trilhar meu caminho profissional buscando sempre estar próximo das coisas que gosto, arte, design, literatura, estes tem sido meus guias. O sentido que elegi para minha vida. As vezes as pessoas ficam angustiadas, buscando o sentido da vida, o motivo de estarmos aqui no mundo. Eu acredito que não exista um motivo, nós é que devemos criar esse caminho a seguir. Sonhar e buscar viver o sonho. Não é fácil, nada fácil. Porém a busca também nos leva a lugares que nunca tínhamos imaginados. E quem sabe nesses novos caminhos, encontremos novos sentidos? Por enquanto tem dado certo pra mim, apesar dos pequenos sacrifícios no caminho, a jornada me tem colocado pessoas e situações muito enriquecedoras. Apesar de sorrir, hoje não foi um dia de sorte. Acabei sendo vitima de minhas próprias ações. Tentei me proteger em meu preto e vermelho, como escudo, força, porém eles não foram capazes de me salvar. Não renego este dia de nenhuma forma. suas marcas vão moldar e mudar meu ser futuro, espero crescer com esse dia que foi bem difícil. Neste dia, em outros tempos... uma princesa tentava legitimar um direito humano que muitos morreram lutando para conquistar, dia em que muitos médicos e pintores vieram ao mundo, para que? Um dia em que alguns juravam ter visto santos enquanto outros atacavam símbolos terrenos de poder, divindade e repressão. O 13 alterna dadivas e sentenças. Feliz por esse "treze" ter acabado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário