quinta-feira, 13 de novembro de 2014

13 de Janeiro de 2013


Hoje é dia 13 de Janeiro de 2013 e eu me visto de preto e vermelho...
Inicio hoje esta pequena jornada, em um domingo cinza. O plano é repetir o ritual de mês em mês.
Um dia agradável de começo de ano. Estranhamente frio e nublado, uma garoa fina esteve lá fora.
Estive em uma festa de alguém que amei, (que amo, talvez), e esses momentos me fazem pensar: o que ainda existirá do hoje, quando o amanhã chegar?
Dos muitos rancores não guardo nenhum, das muitas alegrias guardo saudade.
Neste dia, meu preto foi escudo, manto de lembranças, o meu vermelho foi de amor, de amizade.

Andei por caminhos que a muito não andava, vi pessoas que a muito não via. O gosto do reencontro marca esse meu dia 13. Um dia de sorte sem dúvida.

Neste dia, em outros tempos, iniciaram revoltas, fizeram tratados, greves de fome. Entre náufragos e solitários suplicando uma mão estendida, o 13 alterna tristezas e alegrias.

E eu aqui, desejo mais "trezes" como o meu de hoje. Bom 2013 a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário